logo_locamob
ir para o Locamob

Delícia de Inverno

por Sabrina2. julho 2013 13:32

E aí pessoal?

O frio chegou gente! Acho que deu para perceber... talvez, não sei. De qualquer forma: quer tempo melhor do que esse para experimentar uma deliciosa fondue? "Ah, lá vem eles com essas comidas que eu não conheço e não sei como pronunciar". Pois bem: a palavra se pronuncia "fondi" (com biquinho no "i", por favor) e sua história você vai conferir agora.

 

História 

Essa iguaria surgiu na Suíça (estranhou o nome em francês? Tudo bem, também se fala francês por lá, além de alemão, italiano, entre outras línguas) e ninguém sabe direito quando e nem por quê. A versão mais conhecida e aceita é a de que a receita teria surgido durante a Segunda Guerra Mundial, quando os soldados inventaram um novo tipo de comida nutritiva e quente para poderem aguentar o inverno. Como a produção de leite na Suíça é muito grande, as primeiras receitas eram feitas com uma mistura de vários queijos derretidos, na qual os soldados mergulhavam pedaços de pão.

Esse prato só se tornou popular na década de 50, quando um restaurante de Nova York o incluiu em seu cardápio. A partir daí, as fondues passaram a ser consideradas pratos sofisticados.

Tipos

Depois desse restaurante, vários outros passaram a incorporar as receitas de fondue em seus cardápios, fazendo diversos tipos de modificações. Hoje podem ser encontradas diferentes versões, como as com carne, frango, as com doces e muito mais. 

  • Os de carne geralmente são feitos com filé mignon ou outros tipos de carnes macias. A carne é servida crua e cada pessoa deve fritar a sua - algumas vezes também são servidos molhinhos para acompanhá-las. 

 

Carninha gostosinha

  • As versões doces podem aparecer nos sabores chocolate, marshmallow e caramelo. Gente... é uma delícia. Sério. Imaginem só mergulhar frutas e outros doces nessas delícias derretidas. Melhor do que imaginar é experimentar. E reza a lenda que existem até mesmo fondues feitos de morango.

 

Chocolate. Já está me dando fome.

  • E, é claro, o clássico e original sabor de queijo, que pode ser feito com cheddar, provolone, Emmenthal, Cousa, entre outros tipos de queijo.

 

 

Receita

 Tudo muito bom, tudo muito bem. Mas chega de papo né? Hora de por as mãos na massa!

 

 

FONDUE DE CHOCOLATE COM CREME DE AVELÃ E FRUTAS DA ESTAÇÃO

Rendimento: 4 porções

Ingredientes

  • 250g de creme de chocolate com avelãs (dica: mais conhecido como Nutella, 8ª maravilha do mundo)
  • 125g de chocolate meio amargo
  • 200 ml de creme de leite fresco
  • 1/2 cálice(s) de licor de amêndoas (opcional - mas pode colocar, porque é uma delícia :D)
  • 80g de avelã torrada(s) e moída(s) (também é uma delícia)
  • Morango, uva sem caroço, carambola e outras frutas que você quiser para mergulhar no chocolate depois

Modo de Preparo

1. No réchaud (é aquela panela bonitinha onde o fondue fica) com o fogo baixo, leve todos os ingredientes ao fogo, exceto as avelãs e as frutas. Mexa bastante até que o chocolate esteja homogêneo. 

2. Acrescente as avelãs e mantenha o fondue quente (ninguém vai querer comer frio, né? Apesar de que fica bom do mesmo jeito...). 

3. Com o espeto, mergulhe as frutas no chocolate e divirta-se! :D

 [Fonte]

 

Onde comer?

Como não poderia faltar por aqui, aí vão alguns lugares ÓTEMOS para se deliciar com maravilhosos fondues:

- O Florina, no Campo Belo, oferece um monte de sabores diferentes de fondue - tem até um com bacon (quem precisa ser saudável, né?). Além disso, o ambiente é bem aconchegante e os preços são justos.

 - A Häagen-dazs da Oscar Freire serve um fondue de sorvete. SORVETE. Sem mais.

 Aaaaaah, gente! 

- O Konstanz, em Moema, é um restaurante alemão que serve várias opções de fondue durante o inverno, para você ficar bem quentinho!

- Por último, mas não menos importante: o Hannover, em Moema, é essencial quando se fala em fondue. Eles possuem a opções de rodízios simples e para duas pessoas - delícia!

 

 

Veja mais algumas sugestões aqui.

Tem alguma sugestão de receita ou restaurante? Deixe nos comentários :D

Só os Mochileiros sabem...

por Sabrina28. junho 2013 14:14

 

E aí pessoal?

Quem é mochileiro sabe que os hotéis e pousadas estão ficando cada vez mais caros - ou, pelo menos, é bem difícil achar um que não cobre preços absurdos. Por isso, a nova moda é se hospedar em hostels - até há pouco tempo conhecidos como albergues. Lá é possível alugar uma cama ou beliche, em quartos que são compartilhados com outros viajantes (geralmente cabe de 4 a 8 viajantes cansados em um quarto). Além disso, alguns hostels também oferecem um sistema de compartilhamento de livros, CD's, entre outras coisas.

Confira algumas dicas de hostels aqui por São Paulo:

- O Uvaia, na Vila Mariana, é uma pequena obra de arte na cidade. As salas e quartos são bem decoradinhos e aconchegantes, apesar de não serem muito grandes. Os quartos possuem guarda-volumes (mas você precisa levar seu cadeado); o café da manhã está incluso na diária e - a melhor parte - o pão é caseiro! Veja um artigo bem legal sobre ele lá no Turismo Backpacker.

 

 

- O São Paulo Hostel Downtown está localizado bem lá no centro de Sampa, na República, e fica pertinho de várias estações do Metrô, além de ficar em uma região cheia de lojas, padarias e muito mais. O hostel possui internet banda larga e wireless 24h, além de uma sala de jogos bem legal, uma cozinha coletiva e serviço de táxi 24h.

 - O LimeTime Hostels está em uma das melhores áreas de São Paulo para quem gosta de passear: na Bela Vista, pertinho da Avenida Paulista e de várias estações do metrô. Lá você pode ficar assistindo a um filminho na recepção ou então experimentar a internet banda larga/wi-fi gratuita (os computadores são todos MACs!). Eles ainda levam o pessoal para as melhores baladas de São Paulo e fazem um esquenta no bar. Vale muito a pena conferir!

 

O LimeTime, todo verdinho.

- O Praça da Árvore (que fica adivinhem onde? Pertinho da Estação Praça da Árvore do metrô) possui TV a cabo, armários individuais, uma salinha de jogos com mesas de sinuca, entre outros benefícios. Eles ainda realizam "noites temáticas" como karaokês ou comidas italianas e realizam até mesmo aulas de samba (viu? Sem mais desculpas para não querer sambar!).

- O Maresias Hostel é um dos melhores lá de São Sebastião - e fica pertíssimo da praia. O café da manhã é uma delícia, os quartos são aconchegantes e seguros e a piscina é maravilhosa. Eles oferecem acomodações para o casal/família ou comunitárias, além de oferecerem estacionamento, internet e até mesmo passeios de ecoturismo.

 

Delícia de piscina lá do Maresias!

- Se você gosta de um bom friozinho e quer ir ao Festival de Inverno de 2013, você vai adorar o Campos do Jordão Hostel, único da região. Eles possuem 13 quartos (5 deles suítes), além de várias salas sociais com jogos, terraços deliciosos e muito mais - tudo isso em um prédio lindíssimo que data do início do século!

Viu só? E você nem precisa viajar tanto assim para encontrar um hostel legal!

Clique aqui e encontre mais hostels legais para visitar (aproveite e visite o site da Associação Paulista de Albergues da Juventude para saber todos os benefícios de se hospedar nessas belezinhas).

 

Pagar mico com os amigos é mais divertido!

por Sabrina25. junho 2013 08:23


E aí, gente?

O karaokê foi inventado na década de 40, lá - adivinhem onde? - no Japão e acabou se tornando uma febre mundial. Aqui em São Paulo, esses karaokês estão concentrados principalmente no bairro da Liberdade, sobre o qual nós já falamos um pouquinho aqui nesse post. Mas disso vocês já sabiam. O que vocês não sabiam é que concursos de karaokê, nos quais participam pessoas de todas as idades, são realizados por lá todos os fins de semana.

E vocês, gostam de cantar? Profissionalmente ou no chuveiro, tanto faz - a emoção é a mesma. Então confiram algumas dicas:

 - O Siga La Vaca, lá na Santa Cecília, é uma fofura. Com vaquinhas espalhadas por todo o canto (é sério: desde réplicas em tamanho quase natural na sacada até os abajures), o local é ótimo para um encontro de amigos. São três salas separadas (nas quais se chega após subir uma escada bem bonitona) que comportam cerca de 30 pessoas cada uma.  A seleção de músicas é incrível, com canções em português, inglês e espanhol e as músicas vão desde as breguices dos anos 80 até alguns sucessos mais recentes. A cantoria fica melhor ainda quando a sala está cheia e todo mundo conhece a música!

 Simpático, né?

  - O Restaurante Samurai, lá na Liberdade (não podia faltar, né gente?), possui um palco gigantesco, no qual a maioria dos cantores sobe descalça/de meias - já que o restaurante é bem estilo japonês mesmo, com mesas baixinhas e pessoas descalças. Com um pessoal super atencioso e ambiente bem legal, o restaurante-karaokê é perfeito para quem gosta de soltar a voz!

 - A Chopperia Liberdade (adivinhem onde ela fica?) é um espalhafatoso karaokê que agrada a gregos e troianos - quer dizer, agrada a japoneses e brasileiros - com seu repertório musical super diversificado. Se vocês forem nos fins de semana, preparem-se para enfrentar uma fila bem legal, já que o local fica abarrotado de aventureiros cantores. 

 

- O Beleléu Karaokê Bar, em Santana,foi um dos primeiros karaokês daqui de Sampa. Segundo os donos, o conceito é transformar o "beleléu" em um lugar bom e artístico (afinal, era para lá que geralmente iam os músicos da época. Mais criativo, impossível). O local possui quase 200 mil músicas em seu acervo (!), além de também oferecer um cardápio bem gostoso com vários tipos de porções e bebidas. E, se vocês quiserem fazer seus aniversários lá, é só reservar até três dias antes da data (e, se vocês levarem mais de 15 pessoas, ainda ganham um champanhe e uma entrada VIP!).

 

 

E aí, gostaram? Claro que sim! Então acesse esse site e esse outro e confiram mais karaokês legais de São Paulo!

Sucos funcionais e para que funcionam

por Sabrina20. junho 2013 11:58

 

E aí, galera?

Lembram desse post que a nossa convidada Luciana escreveu, falando sobre os alimentos funcionais e como eles realmente funcionavam? Pois então, resolvemos fazer um infográfico com um tema parecidinho: sucos funcionais.

Os especialistas recomendam o consumo regular de sucos não só funcionais, mas também os naturais, feitos com fruta de verdade - e não aqueles em pó, daquelas marcas que vocês conhecem bem. Esses sucos são ricos em nutrientes essenciais para um bom funcionamento do corpo, como fibras, entre outros, enquanto os sucos industrializados contêm vários tipos de conservantes, corantes e aromatizantes que não são muito legais para a saúde.

Tanto as frutas quanto os vegetais possuem vários tipos de nutrientes, como, por exemplo, a laranja - que possui Vitamina C e ajuda a evitar gripes e resfriados; ou a cenoura, que funciona como cicatrizante e anti-séptico, além de também estimular os sistemas linfático e nervoso; ou ainda o morango, que ajuda nos casos de diarreia e faz bem para o estômago.

[Fonte]

Agora, veja esse infográfico que fizemos e aprenda com quantas frutas se faz uma canoa... quer dizer, com quantas frutas se faz um suco funcional :D

Gostou desse infográfico? :) Compartilhe em seu blog ou Site! Basta inserir o código abaixo em sua página. Simples Assim. s2

Viu só? É facinho fazer um suco para te ajudar com aquela ressaca de fim de semana.

O que acharam? :D

Japoneses no Brasil

por Sabrina19. junho 2013 09:34

 

E aí, pessoas?

Ontem (17/06) foi comemorado o Dia da Imigração Japonesa aqui no Brasil, sabiam?

A história aconteceu por uma série de circunstâncias que envolviam tanto o Brasil quanto o Japão, na época. No caso do Brasil, havia a necessidade de se conseguir mão-de-obra, já que a escravidão fora abolida em 1888 e havia ainda uma política de "branqueamento" da população (o governo achava que um país só poderia ser considerado desenvolvido se a maioria de sua população fosse branca. Pensamento horrível, né?). Quanto ao Japão, a situação no país estava tensa: o país, que havia ficado centenas de anos completamente isolado do resto do mundo,enfrentava um momento de abertura econômica e política. Desse modo, com a mecanização da agricultura e os altos impostos, vários camponeses ficaram desempregados e precisaram se mudar para as cidades - que, imaginem, ficaram supersaturadas. Por esse motivo, a emigração (saída de japoneses do país) era incentivada pelo governo para vários outros países, dentre eles o Brasil.

 

 Pôster incentivando a emigração para o Brasil.

A partir daí, em 1908, chegaram os primeiros imigrantes lá no porto de Santos, a bordo do navio Kasato Maru. Eles foram dirigidos para as fazendas de plantação de café no interior de São Paulo e foi esse "isolamento" que fez com que vários desses imigrantes jamais aprendessem o idioma brasileiro (o que era ainda mais fortalecido pela fundação de escolas japonesas pelas próprias comunidades). Imaginem só: vocês vão para um país distante para trabalhar - e trabalhar muito: os imigrantes, tanto japoneses quanto de outras etnias, eram praticamente explorados pelos fazendeiros - e não conhecem nem os costumes e muito menos a língua do local. É claro que a adaptação seria muito difícil.

 

O Kasato Maru, que trouxe os primeiros imigrantes.

Apesar dessas dificuldades, a imigração para o Brasil cresceu bastante, tornando-o o país com a maior colônia japonesa fora do Japão - os estados com maior representatividade desses imigrantes (e descendentes) são Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo. Mas desse último você sabia, certo? Afinal, quem nunca foi lá no Bairro da Liberdade para ver os festivais e as feirinhas no fim de semana?

 

 Feirinha de fim de semana lá na Liba.

A cultura nipônica se misturou tanto à brasileira que é normal ir a um restaurante self service e encontrar sushis em meio às saladas. Vai falar que não é verdade? Além disso, agora é fácil encontrar restaurantes japoneses em todas as regiões, tanto em São Paulo quanto no Brasil inteiro. Querem ver?

Em São Paulo, há, por exemplo, o Sushi Iê, que serve no estilo rodízio e fica aberto até às 0h no Domingo! Mas vocês também podem experimentar o Nakombi, no Itaim Bibi. Ele oferece comida e atendimentos ótimos, além de também entregar em casa (para a alegria dos preguiçosos).

E não para por aí: em Recife, por exemplo, há o Nori Temakaria (lá na Boa Viagem), que é perfeito para ir com amigos, já que seu ambiente é bonito e a comida é uma delícia.

É claro que existem mais restaurantes japonese por todo o Brasil, então porque vocês não clicam aqui e encontram os restaurantes de sua cidade? :)

E você, é descendente de japoneses? Tem amigos japas? Conte-nos suas histórias :D

Tire a camisa xadrez do armário!

por Sabrina15. junho 2013 10:00

 

E aí, pessoal?

Junho é um dos meses mais esperados pelo brasileiro e por quê? Por causa das Festas Juninas, claro! 

Trazida pelos portugueses, a tradição de comemorar o mês de Junho (ou os dias de São João, São Pedro e São Paulo) continua até hoje, com influências de danças francesas (nas quadrilhas, porque são marcadinhas e tudo mais, característica típica de algumas danças francesas), danças portuguesas e espanholas (aquelas bonitinhas com fitas) e - aposto que ninguém sabia dessa - com influências chinesas. Da onde você pensava que vieram os fogos de artifício?

A maior expressão dessas festas é lá no Nordeste, mas aqui em São Paulo as comemorações também são muito conhecidas e apreciadas. Então liberte seu lado caipira e confira algumas festas juninas tradicionais aqui da região:

 

Festa Junina Portuguesa

 

A tradicionalíssima - e maior -  festa junina de São Paulo é realizada lá na Praça Lourenço Francolino, que fica pertim da Marginal Tietê. As comemorações envolvem shows de cantores sertanejos como Paula Fernandes, Fernando e Sorocaba, entre outros, além dos pratos típicos (canjica, gente!), das danças e das bandeirinhas. A festa acontece do dia 1/06 até 9/7, a partir das 19h, com entradas a partir de R$30.

 

Festa Santo Antônio do Pari

 

Confecção do pequeno bolinho de 3000 kg

Imagine só até 50 mil pessoinhas em um mesmo lugar, com muitas barraquinhas vendendo comidas típicas deliciosas. Essa é a Festa Santo Antônio do Pari, que acontece na Praça Padre Bento, do dia 1/06 até 23/6. O horário é das 13h às 17h. E o melhor: é de graça!

 

Festa Junina da Candelária

 

Muitas barraquinhas, muita comida boa e muitas brincadeiras aguardam você na 79ª edição dessa festa junina super tradicional aqui de Sampa. Ela acontece lá na Praça Nossa Senhora da Candelária, do dia 2/06 até 1/07, das 17h às 13h.

 

 Festa Junina Kendo

 

A primeira edição dessa festa apresenta uma comemoração diferente de todas as outras. Apresentações de taikô (os tambores japoneses), brincadeiras e comidas japonesas  se encontram com as típicas barraquinhas e as danças folclóricas brasileiras. Atenção: é só hoje, dia 15/06, das 12h às 19h! A festa acontece lá na Rua Fagundes, na Associação Bunkyo Kendo e a entrada custa R$10.

 

E tem muito mais, gente! Confira mais algumas lá no G1, na Veja São Paulo ou no Catraca Livre.

Gostou? Gostou sim, que eu sei! Quem é que não gosta de Festa Junina? :D

Deixe um comentário aqui falando de alguma experiência sua com essa festa.

 

O Dia dos Namorados está chegando!

por Sabrina7. junho 2013 14:07

   

      E aí, pessoal!

     Para a alegria de alguns e terror de outros, o Dia dos Namorados já está chegando! É nessa quarta, dia 12, então se você ainda não comprou o presente do seu amor, corra. Sério.

    Para te ajudar nessa difícil missão de encontrar um presente legal, nós preparamos esse infográfico com algumas dicas, olha só:

     Legal, né? Imagine só que delícia passar uma semaninha em Bora Bora, longe de trabalho, faculdade e preocupações? Não tem quem não goste. Mas, se a grana tá curta, nada melhor do que um passeiozinho pela cidade, não é mesmo? Como, por exemplo, ir lá pro Parque do Ibirapuera e ficar caminhando e assistindo ao show das fontes. Ou então ir lá pro Era Uma Vez um Chalezinho - um restaurante fofíssimo e romântico (e caro, mas isso não vem ao caso) que promete deixar seu Dia dos Namorados completamente encantador.

     Ah, e por falar em encantador, você já está participando da nossa promoção? Não? Como não, gente? 

    É o seguinte: para dar tempo de o presente chegar na sua casa, a promoção acaba nesse Domingo e tem os resultados divulgados já na Segunda. Então corra, entendeu? É só dar uma passadinha lá no Locamob e opinar sobre seus locais favoritos (quanto mais, melhor!) para concorrer a essa linda Cesta de Guloseimas oferecida pelo Flores Online.

Gostou desse infográfico? :) Compartilhe em seu blog ou Site! Basta inserir o código abaixo em sua página. Simples Assim. s2

    Acesse www.locamob.com.br/concurso e saiba mais. Você também pode baixar o nosso aplicativo por aqui e opinar por lá!

(Sério, participe. Você vai deixar o amor da sua mais feliz <3)

Alimentos funcionais funcionam?

por Convidado3. junho 2013 13:51

     

     É com muito prazer que a partir de hoje, a convite do Locamob, trarei informações, novidades e tudo o que acontece no mundo da gastronomia. Nesse post inaugural falarei dos alimentos funcionais, assunto polêmico e cada vez mais em evidência por todos aqueles que se preocupam com a saúde.

   Afinal, o que são alimentos funcionais? Dizemos que são todos aqueles  que fornecem, além de suas vitaminas, proteínas e nutrientes em geral; trazendo muitos benefícios à saúde, auxiliando na prevenção de diversas doenças, entre outros benefícios. E o mais importante de tudo é que muitos deles já fazem parte da nossa alimentação diária, portanto, atenção a eles!

  • Azeite de Oliva – Contém ômega 3, substâncias antioxidantes e Vitamina E. Traz benefícios para o fígado e para a vesícula, prevenindo a osteoporose, além de ter efeito anti-inflamatório e auxiliar na redução de LDL (colesterol ruim).
  • Alho-  Contém vitaminas A, C, B2 e B6 e aminoácidos. Reduz a pressão arterial, prevenindo as doenças cardiovasculares, auxilia na redução de LDL e ainda tem ação antibacteriana.
  • Tomate – (E a maioria das frutas vermelhas como goiaba, melancia, mamão, caqui, etc) Contém licopeno, auxiliando na prevenção do câncer de próstata, mama, esôfago e gástrico, além de trazer benefícios ao coração.
  • Peixes – Contém ácidos graxos e  Ômega 3 e 6. Previne contra o câncer e doenças cardiovasculares, além de reduzir a pressão arterial.
  • Soja – É um alimento completo, rico em antioxidantes e Isoflavona, prevenindo câncer de cólon e mama e reduzindo o LDL e a pressão arterial, o que acaba prevenindo as doenças cardiovasculares.
  • Quinoa -  Também é um alimento completo, já que é bem rico em minerais. Tem efeito anti-inflamatório, ajuda no funcionamento intestinal, reduz o colesterol e os  níveis de glicemia e ainda favorece o emagrecimento.
  • Chá verde – Rico em antioxidantes. Previne a oxidação das células e combate os radicais livres, assim como também auxilia na prevenção de todos os tipos de câncer, evita pedras nos rins e auxilia no tratamento da obesidade.

     Existem ainda outros alimentos e a cada dia os estudos médicos descobrem mais propriedades benéficas neles, principalmente nas frutas e nos legumes. A polemica se dá, entretanto, no questionamento se realmente os alimentos funcionais funcionam: algumas linhas da medicina alegam que, para ter um efeito preventivo, a ingestão desses determinados alimentos tem que ser grande; outras linhas defendem que uma quantidade razoável e diária a longo prazo já apresenta resultado.

      Em um ponto, no entanto, todos concordam: uma alimentação equilibrada e a prática regular de exercícios é definitivamente o segredo de uma vida saudável e com qualidade, logo, não adianta comer uma pote de margarina achando que os fitoesterois (moléculas que reduzem o colesterol ruim) que ali se encontram vão salvar as nossas vidas, porque a quantidade de gordura e açúcar que consequentemente serão ingeridas prejudicarão em outros pontos.

     É preciso, portanto, uma administração cautelosa no nosso dia a dia e em quantidades saudáveis de todos esses alimentos funcionais para que, a longo prazo, possamos colher os frutos desses novos hábitos alimentares.

     E como uma boa chefe de cozinha termino o post com uma receita feita com alguns desses alimentos:

 

Posta de Salmão com geleia de laranja e quinoa com abobrinha.

 

Quinoa: fonte de proteína, ferro e carboidratos

Ingredientes:

  • 1 Posta de Salmão com mais ou menos 200g
  • 2 colheres de sopa de geleia de laranja
  • 2 colheres de sopa de suco de laranja
  • ½ xícara de quinoa em grãos 
  • 2 colher de sopa de cebola
  • 1 abobrinha cortada em cubos 

 

Modo de preparo:

     Cozinhe a quinoa do mesmo modo que se faz um arroz. Refogue a cebola em um pouco de óleo, depois acrescente os grãos da quinoa e sal, cobrindo tudo com água até que ela fique uns dois dedos acima da quinoa. Deixe a água secar e experimente para ter certeza que o grão está macio.

      Agora refogue a abobrinha em cubos no azeite e acrescente a quinoa já cozida. Grelhe o salmão temperado apenas com sal e pimenta do reino moída. Dilua as 2 colheres de geleia de laranja com o suco da laranja, e leve ao fogo apenas para aquecer.

      Sirva o molho de laranja por cima do salmão e a quinoa ao lado.

       O que acharam da receita? Fácil? Difícil? Deixe um comentário nos dizendo :)

 

 Escrito por Luciane Recco

Apaixonada por cozinha desde criança Luciane começou sua carreira em 2004, entrando para a faculdade de gastronomia no Senac - Águas de São Pedro. Depois desse primeiro passo, os estágios, eventos e o ar desafiador que essa carreira proporciona confirmaram qual seria sua profissão: depois de uma temporada de 2 anos pela Europa, onde cursou em Londres a escola Le Cordon Bleu e trabalhou na área, voltou para o Brasil se pós-graduou em administração na FGV. Trabalhou no Grupo Boteco São Bento comandando as  4 cozinhas da rede e hoje está como Chefe Executiva da Frutaria São Paulo.

 

Verde, verde, verde

por Sabrina23. maio 2013 14:30

 

      Você pensa que só há um tipo de vegetariano - aqueles que olham com cara feia só para as carnes e se alimentam basicamente de "mato"? Pois está muito enganado: há vários tipos diferentes de vegetarianismo, nos quais a pessoa come frutas, vegetais e grãos, mas não come nem bebe nada que tenha leite (como queijos, iogurtes, etc) e também há um tipo no qual ela come apenas frutas (!). 

     Apesar de muitas pessoas (inclusive alguns nutricionistas) afirmarem que os vegetarianos sofrem de falta de proteínas, estas são facilmente conseguidas substituindo-se as carnes por soja, feijão, mandioca e também por vários tipos de cereais, como trigo, milho, entre outros. Por isso, se você for começar a seguir a dieta, procure o acompanhamento de um nutricionista de confiança, que indicará para você as melhores maneiras de se alimentar bem e manter-se saudável. 

      Quanto aos motivos que levam as pessoas a adotar essa dieta, o principal é a preocupação destas com a matança de animais, mas há outros como a diminuição de ingestão de gorduras (já que as carnes, principalmente as vermelhas, apresentam quantidades elevadas da mesma), motivos de saúde, entre outros. 

    Nós fizemos um infográfico bem legal para mostrar algumas características do vegetarianismo e outras coisas relacionadas a esse tipo de dieta. Confira:

 

 

     Ficou interessado nessa dieta? Então conheça alguns restaurantes vegetarianos, clicando aqui. (E, se você resolveu fazer parte da comunidade vegetariana, encontre nutricionistas clicando aqui).

     E aí, o que achou do nosso infográfico? 

Gostou desse infográfico? :) Compartilhe em seu blog ou Site! Basta inserir o código abaixo em sua página. Simples Assim. s2

Sua opinião vale prêmios!

por Sabrina17. maio 2013 16:30

        

          Sabia que a sua opinião pode valer prêmios aqui no Locamob? Pois é! 

         Lembram-se do concurso que fizemos recentemente premiando as melhores opiniões postadas lá no site? Estamos fazendo um outro, porém o prêmio é outro: é um kit do Locamob, com 1 camiseta, 5 adesivos e um bonequinho super bonitinho do Android. E o melhor de tudo é que premiaremos algum sortudo toda Terça-feira!

        Para participar, é super simples: é só opinar em algum lugar que você conheça, curtir e compartilhar os posts da promoção no Facebook. Para saber mais, acesse http://www.locamob.com.br/concurso.

        Está esperando o que para começar a opinar? Vá até o nosso site e comece agora mesmo! Quanto mais você opinar e compartilhar, maiores são suas chances de ganhar! 

         O vencedor será anunciando no dia 21/05, até as 20h - não perca tempo!

          Veja os Locamobbers que ganharam o último concurso:

 

 

Debora Futscher

  

Cristiane Otani

  

Sam Alves

 

Boa sorte! :)

 

Facebook

Sobre o Locablog

O Locablog é o Blog do Locamob.

Com esse blog nós pretendemos aproximar a relação com nossos usuários e visitantes, fazendo do nosso cantinho um espaço agradável e divertido, onde você pode comentar e compartilhar tudinho em suas redes sociais.  ;)

Vamos indicar para você os melhores locais de todo o Brasil, te contar curiosidades sobre esses lugares e sobre o próprio Locamob, além de infográficos exclusivos, vídeos, histórias, notícias, coisas engraçadas e muito mais.

Então faça o seguinte: Fique à vontade! s2